;
Atendimento via chat
Atendimento via chat
Teclas de Acesso:
1
Conteúdo
2
Menu
3
Busca
4
Rodapé
Acessibilidade:
Notícias

Tendências de mercado e o coworking

23.jul.2018

Na imagem, várias pessoas estão trabalhando com seus notebooks em um escritório compartilhado.
O ser humano está cada vez mais conectado e, mais do que compartilhar recursos, está disposto a compartilhar conhecimento. E compartilhar vira sinônimo de colaboração.
 
A modernização do mercado de trabalho também proporcionou muitas mudanças na produção, captação e até mesmo na organização hierárquica das empresas. Tendências de horizontalidade e autonomia possibilitaram a criação de espaços como o coworking, um estilo de ambiente de trabalho compartilhado que vem crescendo cada vez mais.
 
É como afirma o mestre em Gestão e Desenvolvimento Regional, professor Deyvison Roberto Nascimento, ao explicar que o espaço colaborativo permite uma grande interação entre pessoas, profissões e redes de contato. “Encontrar um profissional com especialização em um ambiente onde várias demandas corporativas podem ser atendidas é fantástico, lucrativo e produtivo. O coworking significa respeito ao espaço alheio, à capacidade de trabalhar com pessoas próximas. O ponto alto deste movimento é o momento de convergência de ideias e alto espírito empreendedor, consideradas competências fundamentais para os gestores modernos”, acrescenta o profissional, que também é coordenador do MBA em Gestão Estratégica de Pessoas do UBM — Centro Universitário de Barra Mansa.
 
Estima-se que no Brasil já existam mais de 240 empresas que oferecem o serviço, e a cada ano esse número aumenta ainda mais. Na região, Volta Redonda é uma das cidades que já conta com uma unidade que adotou essa ideia. 
 
Deyvison destaca também que dinamismo e possibilidade de crescimento contínuo das atividades são situações inerentes ao processo de coworking. "O mercado, desde a revolução tecnológica, precisa se reinventar, fazendo mais com menos. Esse mantra é seguido fielmente pelo adepto dos estilos que otimizam esforços em prol do melhoramento de resultados", pontua.
 
O custo dessa atividade é atrativo para pequenos empresários e autônomos das mais diversas áreas, já que podem alugar um espaço para realizar seu home office e até para grandes companhias, já que é possível trocar experiências com outros profissionais de áreas de atuação que podem complementar seus conhecimentos e serviços.
Voltar