;
Atendimento via chat
Atendimento via chat
Teclas de Acesso:
1
Conteúdo
2
Menu
3
Busca
4
Rodapé
Acessibilidade:
Notícias

Acadêmicos de Direito do UBM apresentam trabalhos de pesquisa

24.out.2016

O Curso de Direito do UBM – Centro Universitário de Barra Mansa – participou do XI JORNIC (Jornada de Iniciação Científica) organizado pelo UGB (Centro Universitário Geraldo Di Biase), que aconteceu na quinta-feira (19). Diversos trabalhos orientados pelas professoras Sandra Mello, Sheila Lyrio, Marlene Nowak e Maria Cristina Delgado foram apresentados na jornada.

Contemplando as pessoas com deficiência, o trabalho “As Modificações Introduzidas na Teoria das Incapacidades em Face ao Estatuto da Pessoa com Deficiência: Inovações e Controvérsias”, foi realizado pelos alunos do 6º período do Campus Cicuta, Carlos José Gomes Noronha, Giovana Custódio Silva e Marcela Damato Fonseca e teve a orientação da professora Maria Cristina.

De acordo com o acadêmico Carlos José, a pesquisa teve como objetivo, por meio de estudos bibliográficos e jurisprudenciais, analisar as mudanças introduzidas na teoria das incapacidades diante das principais modificações e controvérsias doutrinárias do Estatuto da Pessoa com Deficiência, Lei n. 13.146/2015. “Em nossa apresentação oral, questionamos se os direitos adquiridos pela entrada em vigor da referida lei auferiram dignidade-vulnerabilidade ou dignidade-liberdade aos que possuem deficiência?”, comentou Carlos José.

Ainda sob a orientação da professora Maria Cristina, os acadêmicos Luciano Cardoso da Fonseca, Oseas Viana de Souza, ambos do 4º período,  Gabriel Koenigkam Maciel e Graziele Silva do Nascimento, que são do 6º período, apresentaram o trabalho “Violência Escolar: A Visão de Pais e Professores na Rede Municipal de Barra Mansa”.  

Os trabalhos de pesquisa são desenvolvidos através do NUPED (Núcleo de Pesquisa do Direito) que disponibiliza os professores para orientar os alunos que desejam se dedicar a iniciação científica. A professora Sheila comenta que é através dessa iniciativa que os alunos desenvolvem suas habilidades e despertam outras. “Esse trabalho transforma um aluno inseguro em um aluno em potencial. Se quisermos melhorar o interesse na aprendizagem, a pesquisa deverá ser uma das ferramentas para um futuro mais promissor. O professor que trabalha com pesquisa sabe da satisfação que é fazer parte desse desafio que, por vezes, ultrapassa nossas expectativas”, contou Sheila. Ela foi orientadora do trabalho “A Discriminação Religiosa: Candomblé”, de autoria do aluno Jefferson dos Santos Souza, do 4º período.

Sob a supervisão da professora Sandra Mello, os alunos Arthur Andrade Athayde, do 4º período, Wagner Luís Bruno Naves, 10º período e Alexandre Júnior da Silva Pereira, 6º período, apresentaram o tema "Desafios para a Implementação de um Consumo Sustentável". “A participação dos alunos em eventos externos é importante para o desenvolvimento deles. Nessas atividades, eles trocam informações com pessoas de outras instituições e isso ajuda no crescimento de cada um enquanto pesquisador”, destacou Sandra.     

A professora Marlene orientou a aluna Laila Finotti de Assis Lima no trabalho “Ativismo Judicial: A Ampliação do Poder Discricionário do Juiz pela Hermenêutica e Interpretação Jurídica - Análise de um Caso Concreto”.  

Voltar